Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

ATRASO

Prefeitura fecha ano com ‘cemitério’ de obras paradas

Prefeitura fecha ano com ‘cemitério’ de obras paradas
30/12/2013 00:00 - DA REDAÇÃO


Depois de barrar o andamento de 38 obras de creches, unidades de saúde, praças e até escolas, que começaram na gestão passada, o prefeito Alcides Bernal (PP) realizou apenas duas obras de recapeamento em Campo Grande, neste ano. Conforme matéria publicada na edição de hoje (30) do jornal Correio do Estado, o desempenho ficou abaixo da expectativa da população, que esperava um número maior de benfeitorias, principalmente em relação à saúde e à educação.

No Bairro Oiti, na região da saída para Três Lagoas, os moradores aguardam ansiosos pela inauguração do Centro de Educação Infantil (Ceinf). Apesar do custo de R$ 2 milhões, a unidade que está pronta ainda aguarda pelos equipamentos.

O servidor público Emerson Lopes, 36 anos, lamenta a situação. Sem a creche funcionando, ele é obrigado a deixar a filha de dois anos, aos cuidados da avó, para poder trabalhar durante o dia. “Se não fosse minha mãe, teria que pagar uma escolinha particular, que não sai por menos de R$ 300”, diz. A reportagem é de Rafael Bueno.

Felpuda


Paixão política que extrapola o bom senso, chega nas redes sociais e se transforma em baixaria pode resultar em prejuízo no bolso. Isso foi o que aconteceu com autor de texto nada elogioso contra colega por diferenças em apoio a candidatos nas eleições de 2016. O dito-cujo foi condenado a pagar indenização de R$ 7 mil, com correção monetária e juros mensais a partir da publicação da sentença, além dos honorários advocatícios. Detalhe: os adversários daquela época hoje andam de braços dados. Pode?