Segunda, 19 de Fevereiro de 2018

MOBILIDADE

Prefeitura faz varredura promovendo acessibilidade na área central

7 DEZ 2010Por CG NOTÍCIAS08h:00

A Prefeitura Municipal de Campo Grande realiza uma verdadeira varredura na área central no sentido de promover a acessibilidade. Esta é a principal condição para utilizar com segurança total ou assistida os espaços, mobiliários e equipamentos urbanos, das edificações, dos serviços de transporte por pessoas portadoras de deficiência ou com mobilidade reduzida.

Este ano, a Prefeitura por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano (Semadur) lançou o programa Municipal de Acessibilidade Arquitetônica, criou o Núcleo e iniciou a equalização e divulgação das informações sobre mobilidade urbana. Este é o atributo das cidades que se refere à facilidade de deslocamentos de pessoas e bens no espaço urbano.

“Trabalhamos setorizando a cidade em quadriláteros, assim nossa equipe de fiscais vistoria todos os estabelecimentos de uso público e coletivo orientando sobre as adequações”, explica a engenheira Juliana Casadei, chefe da Divisão de Políticas Sustentáveis e Educação Ambiental. Constatada as mudanças que devem ser realizadas, a Prefeitura celebra um termo de compromisso com o estabelecimento.

“É um pactuo com o proprietário, pois nosso interesse não é multar e sim realizar a adequação”, finaliza. Juliana ainda enfatiza que este não é um trabalho pontual e não engloba a área de trabalho do Plano de Revitalização do Centro, que já possui projeto neste sentido.

Balanço – De acordo com o balanço divulgado pela Divisão da Semadur, já foram vistoriadas as áreas dos quadriláteros compreendidos entre a avenida Mato Grosso com a rua 25 de Dezembro e entre a avenida Afonso Pena com a rua Padre João Cripa. A fase agora é de celebração do termo de compromisso com os proprietários dos estabelecimentos.

As equipes estão trabalhando nos quadriláteros entre a avenida Afonso Pena com a rua Pedro Celestino e entre a avenida Fernando Correa da Costa com a rua Franklin Roosevelt.

Denúncias – A Prefeitura disponibiliza ainda o setor de fiscalização de obras para denúncias e reclamações no telefone: 3314-3538.

 

Leia Também