Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Assine a Newsletter

Prefeitos assinam convênios no valor de R$ 60 milhões

24 JAN 10 - 06h:30MARCO EUSÉBIO
O secretário do Desenvolvimento do Centro-Oeste, Carlos Henrique Menezes Sobral, do Ministério da Integração Nacional, estará em Campo Grande amanhã, para assinar convênios com prefeituras de Mato Grosso do Sul relativos a emendas empenhadas no Orçamento da União de 2009. São aproximadamente R$ 60 milhões para 55 municípios. O encontro terá início às 15 horas na sede da Associação dos Municípios (Assomasul) e visa a acelerar o início de obras antes do período em que a legislação eleitoral proíbe o repasse de recursos federais para novos empreendimentos. “Ma is de 50 prefeitos deverão estar presentes”, informou o deputado Waldemir Moka (PMDB) que, na condição de coordenador da bancada federal, organiza a reunião com apoio da associação que congrega os prefeitos. Conforme o parlamentar, a reunião coletiva tem por finalidade evitar que cada prefeito tenha de ir a Brasília assinar seus respectivos convênios, agilizar o prazo para licitação e iniciar as obras antes de abril, para não ter o impedimento da lei eleitoral. “Até abril tem de ter 20% da obra construída, para não haver impedimento da liberação do restante dos recursos”, explicou. Conforme o deputado, prefeitos de cidades que enfrentam situação emergencial e prejuízos em decorrência das chuvas, devem aproveitar o encontro para antecipar relatórios dos problemas. “O Carlos Henrique levará os relatórios ao ministro Geddel Vieira Lima”, explicou. Como o ministro da Integração Nacional vai receber os deputados e senadores do Estado na quartafeira, às 15h (DF), para tratar do assunto, o coordenador acredita que, ciente antecipadamente dos prejuízos, Geddel Vieira Lima poderá acelerar a liberação da ajuda da União às cidades. Investimentos “É um volume expressivo de recursos, que vai permitir a realização de quase uma centena de obras em todas as regiões do Estado”, disse o senador Delcídio do Amaral (PT) que, com o deputado federal Antônio Carlos Biffi (PT), beneficiou 24 municípios com R$ 26,7 milhões. “O dinheiro será investido em pavimentação asfáltica, drenagem, reforma de escolas e até na construção de um estádio de futebol (Fátima do Sul)”, adiantou.
Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Novas variedades e safra recorde de soja são anunciadas durante feira agropecuária
SHOWTEC

Novas variedades e safra recorde de soja são anunciadas durante feira agropecuária

Fux suspende por tempo indeterminado criação de juiz de garantias
STF

Fux suspende por tempo indeterminado criação de juiz de garantias

Mais de 9,4 mil motoristas têm 15 dias para recorrer de multas por infração de trânsito
CAMPO GRANDE

Mais de 9,4 mil motoristas têm 15 dias para recorrer de multas de trânsito

Indústria chinesa de processamento de milho começa a operar em outubro
EM MARACAJU

Indústria chinesa de processamento de milho começa a operar em outubro

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião