Quinta, 21 de Junho de 2018

Prefeito interino quer solução urgente para falta de remédios

5 SET 2010Por 08h:00
     

        O juiz Eduardo Machado Rocha, empossado neste sábado como prefeito interino de Dourados, realizou sua primeira reunião no cargo com os responsáveis pela saúde no município, incluindo a Secretaria Municipal, médicos e representantes de hospitais. De imediato, ele pediu um levantamento completo sobre as ações e, principalmente tudo o que está faltando no setor, entre medicamentos, luvas e outros materiais.
        
        Eduardo Machado cobrou a apresentação desse levantamento até segunda-feira para que possa providenciar a aquisição. Ele afirmou que por ser uma medida extrema não será necessária a abertura de processo licitatório, já que são situações que requerem solução urgente. O novo prefeito falou também sobre a questão do atendimento nos hospitais e sobre recursos que poderiam estar disponíveis e ainda não utilizados.
        
        O juiz ouviu os responsáveis pelo Conselho Municipal de Saúde e por vários setores da Secretaria de Saúde, incluindo do DST/AIDS, e diversas reclamações foram colocadas. Eduardo Rocha determinou que todas fossem oficializadas e encaminhadas já nesta segunda-feira para o início das providências. Ele foi informado também que existe um relatório elaborado pela Secretaria de Estado de Saúde, que estará em suas mãos no início da semana.
        
        De acordo com Eduardo Machado, a reunião, realizada no CAM (Centro Administrativo Municipal), foi para falar de seus propósitos enquanto prefeito interino e também para pedir o apoio daqueles que hoje estão à frente não só da secretaria, como também dos médicos e outros segmentos ligados à área. O juiz conclamou ainda a todos os servidores, que se tiverem provas de irregularidades, que encaminhem as denúncias e que testemunhem, seguindo exemplo recente.
        
        O secretário Municipal de Saúde, o médico Mário Eduardo Rocha, no início da reunião colocou seu cargo à disposição do prefeito interino, mas foi convidado pelo juiz para permanecer no cargo enquanto ele estiver à frente da prefeitura. Mário Eduardo é o segundo secretário confirmado pelo prefeito interino, que permanecesse em sua pasta. O primeiro foi Eleandro Passaia, secretário de Governo e Comunicação.

         

        (Dourados News)
        
        

Leia Também