Quinta, 21 de Junho de 2018

Prefeito de Coronel Sapucaia se livra de pedido de cassação

11 AGO 2009Por 23h:45
     

        Maria Matheus

         

Será publicado no Diário Oficial da Justiça  de amanhã acórdão do julgamento no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) que livrou da cassação o prefeito de Coronel Sapucaia, Rudi Paetzold (PMDB) e o vice, Aldacir Antônio da Silva. Paetzold foi acusado de residir no Paraguai e ter dupla filiação - além de pertencer ao PMDB ele é filiado ao Partido Colorado daquele país. A legislação eleitoral veta a dupla filiação e exige que o candidato tenha domicílio eleitoral na cidade onde concorre.

        A ação, movida pelos diretórios municipais do PR, PT e DEM (Coligação Força do Bem I), pedia a anulação do registro de candidatura de Rudi e de Aldacir ou a cassação do diploma. O prefeito foi absolvido em primeira instância e a coligação recorreu ao TRE.

Leia Também