Campo Grande - MS, domingo, 19 de agosto de 2018

MERCADO

Preço do boi manterá alta no 2º semestre

19 ABR 2011Por Jornal do Agronegócio00h:02

Apesar da proximidade do "pico da safra", o preço do boi gordo no mercado ainda segue em alta. De acordo com o Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea), a explicação é a oferta restrita de boi gordo no país, devido a baixa produção de bezerro em 2006 a 2007. Também pesa contra problemas pontuais como a falta de pastagens. "Deste modo, estamos caminhando para a maior cotação da última década em maio", aponta boletim semanal do órgão.

A projeção do Imea também é de alta da cotação da arroba do boi para o segundo semestre. Na semana passada, o mercado futuro projetou a arroba do boi gordo em R$ 101 para maio e em R$ 105 para outubro. "Com base nestas cotações, temos uma diferença entre os meses de 3,8%, indicando que o mercado ainda vê com certo pessimismo o preço para o segundo semestre".

De acordo com o instituto, esta conclusão foi possível devido a "diferença média entre estes dois meses nos últimos dez anos foi de 13,6%, 9,8 pontos percentuais acima do que o mercado está esperando para este ano".

Leia Também