Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Prazo para informar voto em trânsito termina domingo

12 AGO 10 - 07h:44
Maria Matheus

Termina no próximo domingo o prazo para eleitores pedirem para votar fora de seu domicílio eleitoral. O voto em trânsito será permitido pela primeira vez na eleição deste ano. Eleitores que estiverem viajando no dia do primeiro ou do segundo turno das eleições a uma das capitais brasileiras poderão votar para Presidente da República mas, para isso, precisam informar em qualquer cartório eleitoral a intenção de votar fora de sua cidade.
Se o eleitor não estiver na capital para a qual tenha sido transferido provisoriamente, deverá justificar a ausência em qualquer seção eleitoral, inclusive em seu domicílio eleitoral.
A Justiça Eleitoral só instalará seção especial para o voto em trânsito nas capitais que receberem no mínimo 50 pedidos de transferência provisória. Se alguma capital não atingir o número mínimo, os pedidos serão cancelados e os eleitores, informados da impossibilidade de votar em trânsito. Neste caso, devem justificar o voto ou votar no seu local de origem.
Na Capital e no interior do Estado, os cartórios eleitorais farão plantão no fim de semana para atender as solicitações de voto em trânsito. Em Campo Grande, o Fórum Eleitoral, situado no Parque dos Poderes, funcionará no sábado e no domingo das 12h às 18h. Nos dias de semana, atende até as 18h.
O primeiro turno das eleições será no dia 3 de outubro. Se houver segundo turno para presidente, será no dia 31 de outubro. O voto em trânsito foi introduzido na Lei das Eleições (9.504/97) no ano passado, por meio da Lei 12.034/2009.
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

ESCLARECIMENTOS

Bolsonaro justifica ao STF falas sobre Dilma e Santa Cruz

Fala sobre Dilma foi genérica, segundo o presidente
BASQUETE

Brasil volta a vencer a China em amistoso antes do Mundial

Estreia na Copa do Mundo está marcada para 1º de setembro
NO TWITTER

Ministro critica Macron: 'calhorda' oportunista buscando apoio do lobby agrícola

Weintraub disse que os franceses estão enfrentando mesmas ameaças que brasileiros
SEM REPRESENTANTES

Brasileiros perdem e ficam fora das primeiras finais no Mundial de Judô

País ainda terá mais 16 atletas na competição em Tóquio

Mais Lidas