Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, domingo, 16 de dezembro de 2018

luto

Populares sobem rampa do Planalto para homenagear Alencar

30 MAR 2011Por g113h:26

As pessoas que formam fila na entrada do Palácio do Planalto nesta quarta-feira (30) foram autorizadas no início da tarde a subir a rampa para homenagear o ex-vice-presidente José Alencar, morto nesta terça-feira (29), em decorrência de um câncer.

O corpo de Alencar começou a ser velado na manhã desta quarta no Palácio do Planalto. Com a abertura do velório ao público, é a primeira vez que populares são autorizados a subir a rampa do palácio, desde a morte do presidente Tancredo Neves, em 1985, quando a população também homenageou o estadista.

A visitação estará aberta ao público até as 23h, segundo informou o Planalto. Na manhã desta quinta, o corpo será levado para Belo Horizonte, onde haverá outro velório.

O corpo de Alencar chegou ao Planalto às 11h03min. Bombeiros retiraram o caixão do carro da corporação que transportou o corpo e o entregaram a seis cadetes das Forças Armadas, dois do Exército, dois da Marinha e dois da Aeronáutica. Os militares subiram a rampa do palácio com o caixão nos ombros até o salão destinado ao velório. Antes, houve uma salva de 21 tiros de canhão.

O secretário geral da Confederação Nacional dos Bispos do Brasil, Dom Dimas Lara, e o núncio apostólico do Brasil, Dom Lourenzo Baldisseri, celebraram uma missa em homenagem ao ex-vice-presidente. Na abertura da celebração, foi lembrada a luta de mais de 10 anos de Alencar contra a doença.

“Ele foi para nós um testemunho de fé inabalável em Deus. Durante toa a sua via crucis não se deixou abater e com a alegria própria dos que crêem soube enfrentar com esperança a doença”, afirmou o celebrante.
 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também