PONTA PORÃ

Polícias brasileira e paraguaia prendem contrabandistas

Polícias brasileira e paraguaia prendem contrabandistas
12/01/2014 13:00 - DA REDAÇÃO


Acusados de contrabando  de produtos como alto-falantes, modilos, auto-radio e pneus, foram presos ontem em ação conjunta da policia paraguaia e brasileira após perseguição na MS-164 em Ponta Porã.

Os envolvidos tiveram apenas as iniciais dos nomes divulgadas: A.M.F, de 20anos, e D.R.S, 30 anos, que atuavam como batedor em um veículo Vectra, placas de Aparecida de Goiânia para A.D.G, de 30, que estava em um Citroem conduzindo a muamba

A.D.G teria perdido contato com os batedores que, ao avistarem a barreira da Polícia Militar, fizeram o retorno bruscamente sendo, então, perseguidos e montadas outras duas barreiras na MS-164.

Os dois veículos transitaram em alta velocidade pela MS 164 sentido Itamarati a Ponta Porã não obedecendo as ordens de pare dos PMs e terminaram furando os bloqueios quase atropelando os policiais.

Próximo a fronteira com a cidade paraguaia de Pedro Juan Caballero agentes da Policia Nacional daquele país sairam em apoio aos Policiais Militares e prenderam o trio.

Os três foram encaminhados a delegacia da Policia Civil de Ponta Porã.

Fonte: Ponta Porã Informa

smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".