Campo Grande - MS, sexta, 17 de agosto de 2018

mundo

Policial morre em ataque a bomba na Irlanda do Norte

3 ABR 2011Por ESTADÃO02h:06

Um policial de 25 anos morreu neste sábado após uma bomba explodir sob seu carro em Omagh, no oeste da Irlanda do Norte. O atentado ocorreu em frente à casa do policial.

Vizinhos tentaram apagar o fogo provocado pela explosão com extintores, mas o policial morreu no local.

Desde 2007, grupos separatistas da Irlanda do Norte armaram dezenas de bombas embaixo de carros particulares de policiais. Os explosivos não detonaram, mas dois policiais perderam a perna em ataques em maio de 2008 e em janeiro de 2010.

Políticos e líderes partidários do país condenaram o ataque, que não teve a autoria reivindicada até o momento.

Em março de 2009, o policial Constable Stephen Carroll, 48 anos, foi morto enquanto atendia a um chamado na cidade de Craigavon, ao sul de Belfast. O IRA Continuidade, grupo dissidente do IRA (Exército Republicano Irlandês), assumiu a autoria do ataque.

Carroll foi morto dois dias após o IRA Verdadeiro, outro grupo militar dissidente do IRA, matar dois soldados em Antrim, no nordeste do país.

Os dois grupos visam unificar a Irlanda, já que a Irlanda do Norte integra a Grã-Bretanha. Eles já promoveram ataques a civis e forças de segurança.

Acredita-se que o IRA Continuidade e o IRA Verdadeiro mantenham uma cooperação. Em 1998, o IRA Verdadeiro promoveu um ataque em Omagh que deixou 29 mortos e feriu centenas. 

Leia Também