Quarta, 17 de Janeiro de 2018

Polícia recolhe fraldas e roupas queimadas no sítio de Bruno

15 JUL 2010Por 05h:45
     

Fraldas e roupas femininas queimadas foram recolhidas do sítio do goleiro Bruno, em Esmeraldas, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, ontem (14). O material, junto com raspas de concreto tiradas da propriedade, foi lacrado em sacos plásticos. A polícia não confirmou se os objetos pertencem a Eliza Samudio.

Segundo a delegada Alessandra Wilke, todo o material recolhido vai ser analisado em laboratório e comparado com o DNA da jovem.

                Eliza, que desapareceu no início de junho, teve um relacionamento com o goleiro Bruno, que era do Flamengo. Ela tentava provar, na Justiça, que o atleta era pai de seu filho. Oito suspeitos de envolvimento no sumiço da jovem foram presos. Todos negam o crime.

                 

                (G1)

Leia Também