Segunda, 19 de Fevereiro de 2018

Polícia procura mulher suspeita de matar suíço

18 SET 2009Por 15h:00
     

        Um aposentado suíço, que morava há dois anos no Rio de Janeiro, foi morto com três tiros no apartamento dele, em Copacabana, na Zona Sul. A polícia procura uma mulher que é a principal suspeita do crime. Como sempre costumava fazer, o aposentado tomou um café em um bar em Copacabana, antes de ir para casa com a namorada, a poucos metros dali, na quinta-feira (17). Gilbert Hirschi tinha 63 anos e morava no mesmo prédio havia dois anos. Segundo as investigações, uma mulher entrou no prédio logo depois do casal. Quando Gilbert abria a porta do apartamento, foi surpreendido pela criminosa.  De acordo com a perícia, houve luta corporal e três tiros foram disparados. Um deles atingiu as costas do suíço, que morreu antes da chegada do socorro.  A namorada do aposentado prestou depoimento na delegacia. Nada foi levado do apartamento.

        Com informações do site G1

Leia Também