Terça, 23 de Janeiro de 2018

Polícia prende três universitários acusados de racisimo em SP

12 DEZ 2009Por 16h:30
     

        Três estudantes de medicina de uma universidade de Ribeirão Preto, no interior de São Paulo, foram presos no início da manhã de hoje, após terem agredido um homem de 55 anos numa das principais avenidas da cidade. Os jovens atingiram um auxiliar de serviços gerais com um tapete de carro enrolado, enquanto o chamavam de "negro", aos gritos. Por isso, foram presos em flagrante por racismo e lesão corporal.

        Com informações do Estadão
        
        

Leia Também