domingo, 22 de julho de 2018

polícia

Polícia prende quarto acusado de degolar mulheres no Jardim Tijuca em dezembro de 2010

19 JAN 2011Por vivianne nunes e michelle rossi17h:34

Weber de Souza Barreto, 23 anos, é um dos acusados de envolvimento na morte de duas mulheres ocorrida encontradas degoladas em um casa no bairro Jardim Tijuca no dia 01 de dezembro. Ele foi preso no último dia 10 no Estado de Goiás e chegou hoje à Campo Grande, onde está detido no 6º Distrito Policial. Regina Bueno França, 40 anos e Cláudia de Araújo Mugnaine, 34 anos, foram mortas em um acerto de contas supostamente a mando de um detento, Eder Rampagne Castedo, que encomendou o crime de dentro do próprio presídio de Segurança Máxima.

Também foram presos Cristian Castedo e Lorraine Roriz. Ele é irmão de Eder e confessou ter matado uma das mulheres. Lorraine é ex-namorada de Eder e amiga das vítimas. Ela é acusada de ter facilitado a entrada de Cristian e Weber na casa de Cláudia onde o crime ocorreu. Segundo Cristian, Weber teria matado a outra vítima. O acusado ainda não foi ouvido pela polícia.

Regina e Cláudia de Araújo Mugnaíne, foram encontradas degoladas. Elas eram garotas de programa e Regina era informante da polícia, conforme informou o delegado titular da Delegacia de Homicídios Edilson Santos Silva.

Regina teria delatado Eder Rampagne Castedo por estar foragido do semiaberto.

Leia Também