APARECIDA DO TABOADO

Polícia prende dois homens por caça ilegal

Polícia prende dois homens por caça ilegal
05/07/2012 11:19 - DA REDAÇÃO


Policiais Militares Ambientais de Aparecida do Taboado (MS) prenderam dois caçadores ontem (4) no rio Pântano. A equipe ouviu o latido de cachorros acuando bichos nas matas
ciliares. Os policiais então adentraram a mata e verificaram que dois homens faziam caça ilegal de capivaras, utilizando os cachorros. Com eles, os polícias apreenderam uma espingarda calibre 22 sem documentação e ordenaram o recolhimento dos cachorros. Também foram apreendidos a embarcação e o motor de popa que os caçadores utilizaram para chegar ao local da caçada. 

O grupo de capivaras foi dispersado pelos policiais. Os homens declararam aos policiais que estavam caçando, porém, não haviam matado nenhum animal ainda. Eles foram presos e conduzidos, juntamente com o material apreendido, à delegacia de Polícia Civil de Aparecida do Taboado, onde foram autuados em flagrante por porte ilegal de arma e por crime ambiental de caça.

Pelo crime ambiental de caça ilegal, eles poderão pegar pena de seis meses a um ano e meio de detenção. Pelo porte ilegal de arma, poderão pegar pena de um a quatro anos de reclusão.

smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".