Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, segunda, 19 de novembro de 2018

Crime ambiental

Polícia multa fazendeiro em R$ 80 mil por derrubar 145 árvores aroeiras

4 AGO 2012Por VÂNYA SANTOS15h:00

Um fazendeiro de Sidrolândia foi surpreendido após derrubar 145 árvores sem autorização, recebeu multa no valor de R$ 80 mil e responderá pelos crimes de exploração ilegal de madeira de lei e incêndio. De acordo com a Polícia Militar Ambiental (PMA) de Campo Grande, o fato aconteceu ontem (03) à tarde.

Durante fiscalização policiais encontraram na Fazenda Estância Isabel árvores da espécie aroeira, que foram derrubadas e cortadas sem autorização ambiental. O proprietário da fazenda ainda queimou algumas árvores em leiras.

O responsável foi multado em R$ 80 mil por possuir e utilizar produto de origem florestal protegido (aroeira) sem autorização. Ele também responderá por crime ambiental e, se condenado, pode pegar pena que varia de 1 a 2 anos de reclusão. Outras duas pessoas foram surpreendidas com motosserra, foram multados, indiciadas por crime ambiental e tiveram os equipamentos apreendidos.

Aroeira
A portaria de número 83 de 1991, do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) proíbe o corte de espécies de madeira considerada nobre, como é o caso da aroeira, sem plano de manejo, que precisa ser aprovado pelos órgãos ambientais. Essas espécies não podem ser cortadas nem mesmo em desmatamentos autorizados. 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também