Quarta, 24 de Janeiro de 2018

Polícia investiga roubo de 25 quadros de Volpi

30 JUN 2009Por 11h:00
     

        O Departamento de Investigações sobre o Crime Organizado (Deic) apura o furto de 25 quadros do artista ítalo-brasileiro Alfredo Volpi (1896-1988), avaliados em R$ 10 milhões. As obras sumiram da casa dos sogros da neta do pintor, em Cidade Ademar, zona sul de São Paulo. A família só percebeu o desaparecimento em maio de 2007, quando organizava uma exposição. As telas estavam protegidas e embaladas num quarto. A Polícia Civil conseguiu manter o furto sob sigilo durante dois anos.

        Com informações do Estadão
        
        

Leia Também