segunda, 23 de julho de 2018

Polícia investiga caso de bebê que chorou no próprio velório

4 SET 2008Por 08h:50
     

 

 

A Polícia Civil do Rio Grande do Sul vai investigar o caso do bebê recém-nascido que foi dado como morto no hospital de Canela, na serra gaúcha, e que teria começado a chorar durante o próprio velório, na quarta-feira (3). Ele foi levado novamente para o hospital, mas não sobreviveu.

O delegado responsável pelo caso solicitou cópias do prontuário médico ao hospital. O documento deve ser entregue nesta quinta-feira (4).

 

Com informações do G1

Leia Também