Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

CAMPO GRANDE

Polícia identifica jovem morto que tinha tatuagem de palhaço com arma

Polícia identifica jovem morto que tinha tatuagem de palhaço com arma
20/02/2014 14:00 - VÂNYA SANTOS E LAURA HOLSBACK


Foi identificado como Ariel Fernando Garcia Lima, de 22 anos, o jovem morto com seis tiros, sendo três deles na cabeça. O corpo da vítima foi encontrado na manhã do último dia 13, por um pedestre que passava pela Rua Getulina, região do Parque dos Poderes, em Campo Grande.

A perícia constatou no corpo de Ariel seis perfurações provocadas por tiros disparados de uma arma de fogo calibre .38. Três dos seis disparos foram efetuados contra a cabeça da vítima. Havia também sinais de espancamento, lesões no pescoço e num dos joelhos.

Segundo informações, Ariel tem várias passagens pela polícia, dentre elas por tentativa de roubo em 2012, ocasião em que foi espancado por moradores no Bairro Jardim Montevidéu.

Ariel tinha também tatuagens pelo corpo, dentre elas as expressões: “amor só de mãe”, Vida Loka” e “Rose”, além da figura de um palhaço com uma arma nas mãos, que indica morte de policiais.

Felpuda


Engana-se quem acha que diminuiu a voracidade de ter fatia de cobiçado bolo por parte de “quem manda”. O recuo realmente houve, mas só por enquanto e por uma questão de estratégia, até porque, nas primeiras investidas, as portas não se abriram. E continuam fechadas. Mas quem conhece bem a dita figurinha aposta que ela não desistirá até encontrar, digamos,  um “chaveiro amigo”. Essa gente não sossega nem diante da pandemia... Afe!