Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, terça, 18 de dezembro de 2018

Polícia fecha sala de jogos na Capital

28 MAI 2010Por 06h:33
A Delegacia Especializada de Ordem Política e Social (Deops) fechou, ontem pela manhã, uma sala de jogos que funcionava desde janeiro deste ano na Rua Antônio Maria Coelho, centro de Campo Grande. De acordo com o delegado Antônio Silvano Rodrigues Mota, no local foram apreendidas quatro máquinas caça-níqueis. O ponto de contravenção penal funcionava em uma sala nos fundos de um condomínio. A porta do local só era aberta para quem a responsável identificasse como jogador. Através de uma câmera instalada na porta de entrada, próxima a um vaso de planta, ela via quem chegava. “A câmera ficava escondida”, disse o delegado. Quando os policiais chegaram a responsável pela sala de jogos não abriu a porta, que teve de ser arrombada. Eles encontraram as quatro máquinas ligadas, mas sem nenhum jogador. Segundo Silvano, a mulher disse que os caça-níqueis pertencem a uma pessoa do Paraná. Declarou, ainda, que recebe R$ 200 por semana para “gerenciar” o ponto, que gerava R$ 4 mil ao mês. A mulher foi autuada pela contravenção penal de jogos de azar e liberada, mas tem o compromisso de comparecer à polícia e à Justiça sempre que solicitada. (NC)
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também