Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

tolerância zero

Polícia Civil inicia retirada de flanelinhas no centro

28 JAN 14 - 00h:00Rafael Bueno

Policiais civis deflagraram ontem a operação Tolerância Zero, para retirar da região central de Campo Grande os flanelinhas que atuam de forma irregular com a prática de guardar veículos. Ao todo 20 pessoas foram levadas para a delegacia, sendo dezoito delas autuados por exercício ilegal de profissão.

Segundo o delegado responsável pelos plantões, Fernando Nogueira, a operação partiu de reclamações de comerciantes que alegam a coação dos guardadores de veículos junto aos clientes.

Pelas denúncias recebidas pela polícia, alguns flanelinhas impõem valores para cuidar dos carros. Houve também casos de veículos com retrovisor quebrado, contra condutores que não pagaram pelo “serviço”.

Para o delegado Lopes, cabe ao município resolver essa questão dos flanelinhas impondo regras e fiscalizando. “Até porque se trata de um espaço explorado pelo parquímetro. Não adianta a gente prender, eles voltam”, ressaltou.

Os detidos na operação de ontem não tinham passagem pela polícia. Eles responderão em liberdade, mas podem ser penalizados com pagamento de cestas básicas ou serviços prestados à comunidade. Porém, o delegado adverte que a reicindência por exercício ilegal de profissão tem pena de até três meses de detenção. 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

BRASIL

Deputada participa de reconstituição de morte do marido no Rio

ECONOMIA

Tereza Cristina apresenta oportunidades de investimento aos árabes

Filho mata o pai com facada nas costas durante briga
TRAGÉDIA

Filho mata o pai com facada nas costas durante briga

Mega-Sena acumula e pode pagar R$ 44 milhões na quarta
FEZINHA

Mega-Sena acumula e pode pagar R$ 44 milhões na quarta

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião