Campo Grande - MS, quarta, 15 de agosto de 2018

desaparecida

Polícia britânica vai revisar investigação sobre caso Madeleine

13 MAI 2011Por Veja17h:01

Atendendo a uma intervenção do primeiro-ministro do Reino Unido, David Cameron, a Scotland Yard vai revisar o caso de Madeleine McCann, a menina britânica que desapareceu em Portugal em 2007.

A ministra do Interior britânica, Theresa Mai, divulgou a decisão nesta sexta-feira após Cameron responder aos pais da menina, Kate e Gerry McCann, que faria o possível para ajudar a encontrá-la. Em carta aberta, o casal McCann reclamava que "não houve uma revisão formal do material recolhido pela polícia, como é feito habitualmente na maioria dos crimes não resolvidos".

Madeleine tinha três anos quando desapareceu do quarto em que dormia em um complexo turístico no Algarve em 3 de maio de 2007.

A investigação da polícia portuguesa, com a colaboração de forças britânicas, não encontrou nenhum rastro de Maddie nem de sequestradores. Os pais chegaram a ser apontados como culpados pelo crime, mas a suspeita foi logo descartada.

Oficialmente, a investigação foi suspensa em julho de 2008, mas Theresa Mai garantiu que "as autoridades britânicas nunca deixaram de trabalhar para encontrar Madeleine".

Em declaração, os pais expressaram sua satisfação pela revisão anunciada. "Saudamos a resposta do governo. Está claro que é um passo na direção correta. A experiência da Polícia Metropolitana (a Scotland Yard) é reconhecida", escreveram os McCann.

Leia Também