Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

NAVIRAÍ

Polícia barra menores que vendiam drogas

Polícia barra menores que vendiam drogas
16/04/2011 07:57 - DA REDAÇÃO


Em uma ação da Polícia Comunitária do Décimo-Segundo Batalhão da PM de Naviraí, ontem, por volta de 18h30, impediu a venda de 30 pedras de crack e sete papelotes de cocaína, que estavam em poder de dois menores (16 e 17 anos), no Jardim Paraíso, e mais cinco notas de R$ 5 (total R$ 25), que é uma parte do dinheiro conseguido com a venda aos usuários.

Quando os policiais faziam a ronda, os dois menores foram vistos em atitudes suspeitas, no campo de futebol da comunidade do Jardim Paraíso. Durante a abordagem, os policiais viram o menino de seis anos colocar alguma coisa no bolso. Na revista, foram encontradas as porções de drogas, embaladas em papel (crack) ou colocadas em saquinhos (trouxinhas de cocaína).

Para os policiais, os menores disseram que faziam a venda de drogas para uma mulher que a identificaram como sendo Jackie Sapatona, que seria a proprietária dos materiais entorpecentes.

Os menores declararam que estavam vendendo cada trouxinha de cocaína por R$ 15 e a cada dez unidades vendidas eles ganhariam quatro. As pedras de crack estavam sendo comercializadas por R$ 10 e em cada dez porções vendidas, também ganhariam quatro.

As porções de drogas aprendidas e o dinheiro apreendido foram levados para a Delegacia de Polícia Civil de Naviraí, para onde também foram encaminhdos os dois menores. Ambos indicaram seus pais, que também foram chamados para comparecer na Delpol.  

Fonte: Edilson Oliveira

Com informações do Sul News

Felpuda


Sindicalista defende o fim de mordomias e privilégios dos políticos e dos integrantes de outros Poderes, conforme divulgação feita por sua assessoria. Para ele, está na hora de se colocar um basta nessa situação, questionando, inclusive, o número de parlamentares e de assessores. Entretanto, não demonstra a mesma aversão por aqueles dirigentes de sindicatos que se perpetuam no poder e que comandam mais de uma entidade, assim como ele. Afinal, o exemplo deve vir de casa, né?