Campo Grande - MS, domingo, 19 de agosto de 2018

DENÚNCIA

Polícia autua falsa oftalmologista em Nova Andradina

26 MAI 2011Por DA REDAÇÃO00h:00

Policiais civis de Nova Andradina autuaram S. E. C. P., 28 anos, pela prática do crime de exercício ilegal da medicina. Conforme denúncias recebidas, a mulher realizava exames e prescrevia receituários oftalmológicos em uma loja que comercializa óculos naquela cidade.

De acordo com testemunhas, a mulher era conhecida como “médica oculista” e cobrava entre R$ 50 a R$ 120 reais pelas consultas.

Aparelhos usados para realizar exames oftalmológicos foram apreendidos no local durante a apuração do caso na última terça-feira. O responsável pela loja deve ser intimado para prestar esclarecimentos.

A autora, que possui curso técnico em optometria, foi conduzida até a 1ª Delegacia de Polícia de Nova Andradina. A pena para quem comete o crime de exercício ilegal da medicina pode chegar a dois anos de detenção.

Leia Também