Sexta, 22 de Junho de 2018

PMDB de MS não aceita dar palanque ao candidato a vice de Dilma

21 OUT 2009Por 23h:30
     

        Karine Cortez e Maria Matheus

         

Líderes do PMDB de Mato Grosso do Sul esperam reverter na convenção nacional o acordo de aliança firmado no final da noite de anteontem entre PT e PMDB. Mesmo que a união seja aprovada nas convenções, eles afirmam categoricamente que não vão aceitar a proposta de dar palanque ao candidato a vice da ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff (PT), ainda que ele seja indicado pelo PMDB.

Por outro lado, petistas entendem que deixar de receber o vice na chapa presidenciável será uma atitude no mínimo constrangedora para os peemedebistas.

Leia Também