Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Ilegal

PMA apreende redes de pesca e soltam 40kg de peixes

7 MAR 14 - 12h:15Da Redação

Policiais Militares Ambientais de Bataguassu (MS), apreenderam ontem (6) 41 redes de pesca com malhas 140 milímetros e 18 com malhas de 80 milímetros, medindo ao todo 3 km, durante uma fiscalização no lago da Usina Sérgio Motta, no Rio Paraná.

Depois da retirada dos petrechos, foram retirados e soltos no rio, 40 kg de peixes das espécies, piau, piapara, curimbatá, tilápia e piranha.

Os proprietários das redes não foram identificados. Neste ano, esta foi a primeira apreensão por Policiais Militares Ambientais, de redes no lago da Unisa Sérgio Motta.

No ano passado a PMA de Batayporã e Bataguassu, apreenderam quase 50 km de redes. A PMA continuará a fiscalização no local para evitar a pesca predatória e a depredação dos cardumes.

O uso de redes sem identificação ou com malha com tamanho inferior a 140 mm, por pescador profissional é crime. Para o pescador amador não há nenhuma possibilidade de uso de redes de pesca por lei, então seu uso também é crime. A pena para este crime é de um a três anos de detenção.  

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

BRASÍLIA

Governo se rende às indicações políticas para aumentar base

BRASIL

Luiz Eduardo Ramos: 'Quero fidelidade ao governo nas pautas para o País'

DOURADOS

Após morte de criança em hospital, polícia investiga suspeita de estupro

Laudo médico encontrou lesão antiga sem relação com o óbito
BRASIL

Bolsonaro tem até 4 de outubro para vetar ou sancionar lei eleitoral

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião