Campo Grande - MS, sábado, 18 de agosto de 2018

PONTA PORÃ

PM reforça policiamento para impedir resgate de presos

22 MAR 2011Por Edilson José Alves19h:02

Na madrugada de ontem policiais militares ficaram de prontidão depois de terem recebido a informação de que poderia ocorrer resgate de presos na Unidade Penal Ricardo Brandão de Ponta Porã. Os homens a serem resgatados seriam os membros da facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC).
Com base nessa informação o policiamento foi intensificado nas imediações da unidade penal, até que por volta de 0h30min., os policiais observaram um veículo GM Blazer com placas DFS-0999, de Campo Grande (MS), com vidros cobertos com insufilme escuro. O motorista fez conversão rápida, deixando a rua Baltazar Saldanha e pegando a rua Cosme e Damião.
Nesse instante teve início a perseguição com troca de tiros entre policiais e o ocupante da Blazer. O motorista identificado apenas pelas iniciais C.A.G., de 35 anos, iniciou uma fuga espetacular, passando por cima de calçadas, meio-fio e dirigindo em alta velocidade na contramão.
Os policiais solicitaram reforço e só conseguiram deter o acusado depois de atirar nos pneus da Blazer e de três guarnições terem ajudado a fechar os acessos a Pedro Juan Caballero. Com ele foram apreendidos um revólver calibre 38 e bebidas alcoólicas. Ele se recusou a fazer o teste do bafômetro.
De acordo com a PM o veículo Blazer é blindado, mas isso não consta no certificado de propriedade do veículo. C.A.G. foi levado ao 1º Distrito Policial de Ponta Porã, onde foi autuado em flagrante.

Leia Também