Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

PARANAÍBA

PM aumenta efetivo no monitoramento

22 JUL 12 - 10h:46JORNAL TRIBUNA LIVRE

Após receber reivindicações, o comandante-geral da Polícia Militar de Mato Grosso do Sul,  coronel Carlos Alberto David dos Santos, enviou três policiais para atuarem no projeto Paranaíba Segura, que visa monitorar vários pontos da cidade por meio de câmeras de segurança. Agora são quatro PMs trabalhando (em escala) no videomonitoramento.

Lançado oficialmente no dia 18 de maio, o videomonitoramento começou a funcionar com dificuldades por causa da falta de policiais. Mesmo com os trabalhos apenas começando, a iniciativa foi alvo de críticas já no início de junho depois da explosão do caixa eletrônico no Bradesco. A câmera mais próxima ao banco, fica no cruzamento da rua Generoso Ponce com a Comendador Garcia (esquina do Supermercado Central) e estava direcionada para a frente do Bradesco; porém, como os bandidos entraram pelos fundos, nada foi detectado.

Na oportunidade, o promotor Fábio Ianni Goldfinger, um dos coordenadores do Paranaíba Segura, explicou que o Conselho Municipal de Cidadania e Segurança Pública de Paranaíba e ele fizeram sua parte: a iniciativa do projeto. A Polícia Militar, acrescentou, precisaria de mais policiais para trabalharem no monitoramento. O representante do Ministério Público fez reivindicações ao coronel David e ao coronel Nelson Antônio da Silva, comandante do Comando do Policiamento do Interior (CPI).

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Bolsonaro veta bagagem gratuita em voos domésticos, diz Planalto
FRANQUIA

Bolsonaro veta bagagem gratuita em voos domésticos, diz Planalto

Especialistas debatem sanidade na produção de suínos
SUINOCULTURA MS

Sanidade é tema de evento sobre produção de suínos

Drogas e bebidas matam três indígenas por semana
EM DOURADOS

Drogas e bebidas matam três indígenas por semana

Hackers devem ser presos, diz ministro do STF sobre invasão de celular
MENSAGENS VAZADAS

Hackers devem ser presos, diz ministro do STF sobre invasão de celular

Mais Lidas