Sexta, 15 de Dezembro de 2017

PM abre processo para avaliar conduta de PMs presos

17 FEV 2009Por 21h:30
     

         

         

O sargento Joacir Araújo Paes, o cabo Ronaldo de Paula Barbosa e soldado Wilson Leite Galvão, são acusados de terem burlado a fiscalização na entrada de mercadoria ilegal trazida da Bolívia. Eles estão no Presídio Militar de Campo Grande e o conselho disciplinar, composto por integrantes da PM, vai instaurar processos para avaliar se os três têm condição de continuar na corporação ou se devem ser expulsos.
        
        O esquema começou a ser desarticulado a partir da apreensão da carreta onde eram transportadas mercadorias ao Bairro Tarumã. O motorista José Maria da Silva, 51 anos, e o proprietário da carga, Jailton Antônio de Souza, de 29 anos, também foram presos. Os policiais são acusados de receber R$ 150,00 para facilitar a passagem da carga contrabandeada, que era feita a cada 15 dias.

Leia Também