Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, sábado, 15 de dezembro de 2018

PRODUÇÃO

Piscicultura de Dourados terá incremento de 15%

15 ABR 2011Por Cícero faria/Dourados00h:02

Um novo projeto de incentivo a piscicultura em Dourados tem como meta aumentar em 15% a produção ainda esse ano, atingindo em torno do de 1.380 toneladas saindo dos tanques do município. Vários órgãos estaduais e federais, como o Ministério da Pesca e da Aqüicultura (MPA), estão incentivando o desenvolvimento da cadeia produtiva do peixe.


Na quarta-feira, a piscicultura voltou a se discutida na sede regional do Sebrae e, segundo a secretária Neire Colman, da Agricultura, Indústria e Comércio, Dourados, por ser polo regional e ter o maior mercado consumidor, é a primeira cidade da região a discutir esse projeto, que tem apoio financeiro do MPA.

O projeto prevê a capacitação dos produtores de peixe; promoção de eventos de comercialização efetiva; estruturação para que seja possível praticar melhor preço; proporcionar condições para que os piscicultores possam participar de feiras regionais e, ainda, buscar recursos para investimentos no setor.

O município produz hoje, em média, 1.200 toneladas de peixe ao ano e poderia aumentar a produção se a atividade tivesse mais estrutura e incentivo tanto para a produção quanto para comercialização e consumo.


Conforme último levantamento realizado pela Agraer, a região da Grande Dourados, que engloba 12 municípios, possui 288 piscicultores com pelo menos 1.200 hectares de tanques, sendo metade da área apenas em Dourados. A produção é de 3.600 toneladas por ano.
As obras de construção do frigorífico e entreposto de pescado foram retomadas recentemente e devem ficar prontos – na parte civil, esse ano.
 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também