Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Fronteira

PF e bombeiros se mobilizam para encontrar corpo de cacique

2 JUL 12 - 16h:15Gabriel Maymone

Equipes da Polícia Federal (PF) e do Corpo de Bombeiros estão realizando buscas em uma área no município de Aral Moreira (MS), fronteira com Paraguai, na tentativa de localizar o corpo do cacique Nísio Gomes, desaparecido desde novembro do ano passado.

Segundo inquérito policial, Nísio foi assassinado durante confronto e possivelmente enterrado ou jogado em algum rio no interior do estado.

O advogado do empresário Aurelino Arce - acusado pelo desaparecimento ou morte do cacique, Maurício Raslan disse que os recentes desdobramentos no caso podem adiantar a solução do processo. “As busca pelo cacique foram reiniciadas, pois existem fortes indícios que ele esteja em território paraguaio escondido”, disse o advogado, ao revelar que ainda hoje viaja para São Paulo, onde pretende obter o deferimento do Habeas Corpus, que ainda não foi julgado pelo Tribunal Regional Federal (TRF).

Arce foi indiciado pela PF e está preso desde o dia 15 de junho em Campo Grande junto com oitro pessoas, todos acusados no envolvimento do sumiço de Nísio.

Com informações do Dourados Agora e Dourados News

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

COPA AMÉRICA

Tite promove o retorno de Arthur à seleção para jogo com a Venezuela

IMPORTAÇÃO

Bolsonaro diz que avalia reduzir para 4% imposto sobre produtos de TI

REUNIÃO DO G20

Japão propõe mecanismo internacional para descarte de resíduo nuclear

CUIABÁ

Tribunal condena militar que tentou vender 120 quilos de carne do batalhão

Mais Lidas