Segunda, 19 de Fevereiro de 2018

APOIO

PF do RS auxiliará Argentina a apurar assalto a banco

6 JAN 2011Por ESTADÃO13h:20

A Polícia Federal (PF) no Rio Grande do Sul vai auxiliar nas investigações do assalto que ocorreu durante o feriado de ano-novo contra uma agência do banco argentino Província, em Buenos Aires. A Interpol e a polícia argentina entraram em contato com a PF após analisar que o roubo - estimado em US$ 6,8 milhões - foi feito de forma semelhante ao do grupo que tentou roubar agências do Banrisul, em 2006. Existe a suspeita de que algum dos integrantes da quadrilha que tentou roubar o Banrisul tenha participado do assalto na Argentina.

Além de ter reforçado o trabalho nas delegacias na fronteira com a Argentina, a PF disse que encaminhou farto material sobre as investigações da época às polícias. Na época, dos presos na operação, 11 foram removidos para penitenciárias de outros Estados, cinco estão em liberdade, sete estão foragidos, três continuam presos no Rio Grande do Sul e dois foram mortos.

Na Argentina, o grupo alugou uma casa em julho de 2010, de onde partiu o túnel que levou os criminosos até os cofres do banco. Uma pizzaria vizinha à agência filmou o momento da fuga da quadrilha.



Leia Também