Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

PF abre inquérito para investigar Tuma

26 MAI 10 - 07h:08
     

        A Polícia Federal de Brasília abriu inquérito para investigar a suposta participação do secretário nacional de Justiça na falsificação de documentos para regularizar chineses ilegais no país. Romeu Tuma Júnior está de férias.

        O nome do secretário nacional apareceu em duas investigações da Polícia Federal em gravações telefônicas, publicadas pelo jornal O "Estado de S.Paulo". Ele aparece conversando com Paulo Li, preso sob acusação de contrabando. Tuma Júnior também é suspeito de agenciar a regularização de chineses ilegais no Brasil. O secretário nacional de Justiça, que é responsável pela concessão de permanência para imigrantes, dá explicações sobre um pedido feito por Paulo Li, conforme mostra trechos de uma gravação interceptada pela PF.

        Com informações do site G1

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

LANÇAMENTO DE FOGUETES

Senado aprova acordo entre Brasil e EUA para utilização da base de Alcântara

SAÚDE

Programa Previne Brasil quer incluir 50 milhões de brasileiros no SUS

Atleticano se desculpa por injúria e nega ser racista: 'Meu cabeleireiro é negro'
FUTEBOL

Atleticano se desculpa por injúria e nega ser racista: 'Meu cabeleireiro é negro'

PRIVATIZAÇÃO

Meta do governo é fazer de 40 a 44 licitações em 2020, diz ministro

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião