Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Pesquisa registra queda na avaliação positiva do Governo Lula

20 MAR 09 - 20h:54
     

Brasília

 

Pela primeira vez desde setembro de 2007, a pesquisa CNI/Ibope registra queda na avaliação positiva do Governo Lula. Neste mês de março, a avaliação ótimo/bom ficou em 64% ante 73% no levantamento de dezembro de 2008. Já a avaliação regular do Governo subiu de 20% em dezembro para 25% este mês, enquanto a avaliação ruim/péssimo subiu de 6% para 10% no mesmo período.

 

A aprovação à maneira como o presidente Lula administra o País também apresentou recuo de 84% em dezembro de 2008 para 78% em março. A desaprovação ao Governo subiu de 14% para 19% nesse período. A nota média atribuída pela população ao Governo do presidente Lula recuou de 7,8 em dezembro para 7,4 neste mês de março. A nota varia dentro de uma escala de zero a 10.

 

Já a confiança no presidente Luiz Inácio Lula da Silva recuou de 80% em dezembro de 2008 para 74% em março. Por outro lado, subiu de 18% para 23% os entrevistados que afirmaram não confiar no presidente Lula.

 

A pesquisa também indicou uma redução na percepção de que o atual mandato do presidente Lula está sendo melhor do que o primeiro. Caiu de 49% em dezembro para 41% este mês o número de pessoas que avaliam que o segundo mandato é melhor do que o primeiro. Os entrevistados que consideram o atual mandato pior do que o anterior subiram de 11% para 18% enquanto aqueles que consideram igual as duas gestões passaram de 39% em dezembro para 40% em março.

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

ARTIGO

Nylson Reis Boiteux: "Proclamação da República"

Coronel Reformado do Exército Nacional
OPINIÃO

Rafael Brito: "Conheça a SLU: Sociedade Limitada Unipessoal"

Advogado e professor universitário de Direito Empresarial

Felpuda

DIZ PESQUISA

Faturamento online com Black Friday deve crescer 18% ante 2018

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião