Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Pesquisa mostra que indústrias produziram 14% a mais no Estado

30 MAR 10 - 23h:05
Em fevereiro, as indústrias de Mato Grosso do Sul produziram 14% mais do que no mês anterior, conforme pesquisa mensal do Radar Industrial da Federação das Indústrias de Mato Grosso do Sul (Fiems), divulgada ontem. O indicador mostra que, em janeiro, a produção industrial apresentava valor de 42 pontos e, em fevereiro, esse índice subiu para 47,8 pontos.

O resultado ainda é abaixo da linha dos 50 pontos − patamar a partir do qual se registram evoluções positivas. Mas, segundo a Fiems, só fato de o indicador ter sido maior que o mesmo índice obtido no mês anterior, já é positivo, pois aponta que a produção industrial está em aceleração no Estado.

Em comparação com o resultado observado para o Brasil, o indicador de Mato Grosso do Sul apresentou evolução superior ao nacional, apresentando incremento de 5,8 pontos em fevereiro contra 1,6 ponto do resultado brasileiro. A pesquisa revela ainda que o estoque efetivo das indústrias do Estado aumentou em 8,5% no mês de fevereiro com relação a janeiro deste ano.

Futuro
O Radar Industrial revela ainda que a expectativa com relação à demanda nos próximos seis meses apresentou crescimento de 6,2% no Estado. Em fevereiro o indicador alcançou a marca de 64,9 pontos contra 61,1 pontos obtidos em janeiro, permanecendo bem acima da linha divisória dos 50 pontos, bem como da média histórica nacional neste período que é de 58,4 pontos.

Já o Índice de Confiança do Empresário Industrial (ICEI), que a exemplo dos indicadores da atividade industrial também varia de 0 a 100 pontos, alcançou a marca de 64,1 pontos, ou seja, resultado 9% superior a média histórica nacional para o período que é de 58,8 pontos.

De acordo com avaliação da Fiems, o destaque em Mato Grosso do Sul ficou por conta do aumento da confiança dos empresários industriais no que diz respeito à expectativa em relação à economia do Estado, que avançou de 64,7 para 67,6 pontos em março, isto é, crescimento de 4,5% em relação ao último levantamento. (AM)
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Polícia investiga denúncia de criança estuprada por adolescente em associação de câncer infantil
CAMPO GRANDE

Mãe denuncia que filho foi estuprado por adolescente em instituição contra o câncer

Requalificação da 14 de Julho<br> já tem 85% das obras concluídas
REVIVA CAMPO GRANDE

Requalificação da 14 já tem 85% das obras concluídas

Adélio diz que esfaqueou Bolsonaro "após ouvir voz de Deus"
PRESO EM CAMPO GRANDE

Adélio diz que esfaqueou Bolsonaro "após ouvir Deus"

O primeiro robô brasileiro <br>com Inteligência Artificial, o Tinbot,<br> vêm à Campo Grande
TECNOLOGIA

O primeiro robô brasileiro com Inteligência Artificial, o Tinbot, vêm à Campo Grande

Mais Lidas