REPRESSÃO

Pescadores 'fecharam' o rio Coxim com 400 metros de redes; PMA apreendeu material

Pescadores 'fecharam' o rio Coxim com 400 metros de redes; PMA apreendeu material
16/07/2012 18:30 - DA REDAÇÃO


A Polícia Militar Ambiental (PMA) retirou grande quantidade de materiais proibidos armados irregularmente no rio Coxim. Durante fiscalização, os policiais encontraram 400 metros de redes de pesca que estavam armadas no rio, além de 157 anzois de galho armados sem identificação. O material foi cortado e apreendido.

Na madrugada de hoje (16), uma embarcação com pescadores conseguiu fugir e não foi alcançada. De acordo com a PMA, possivelmente seriam os proprietários das redes e de alguns anzois de galho.

A polícia ambiental alerta que uma quantidade tão grande de rede como a que foi apreendida tem alto poder de captura, pois cerca grandes trechos do rio por onde passam os cardumes. Por isso, este tipo de fiscalização é fundamental para impedir a degradação.
 

smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".