Sexta, 23 de Fevereiro de 2018

FUNTRAB

Pescadores de Três Lagoas começam a ser recadastrados com atraso

7 DEZ 2010Por Rose Rodrigues, TrÊs Lagoas15h:47

Com mais de um mês de atraso, os pescadores de Três Lagoas começaram a ser recadastrados esta semana. Nesta segunda-feira, a Fundação do Trabalho de Mato Grosso do Sul (Funtrab) está realizando um mutirão para a realização do cadastro dos pescadores da região para  agilizar o pagamento do seguro-desemprego, durante o período da piracema.


Na cidade, cerca de 350 pescadores serão recadastrados. O serviços está sendo realizado na sede da Associação, no bairro de Jupiá. Com o cadastramento, os pescadores terão direito de receber quatro parcelas do seguro-desemprego, no valor de um salário mínimo durante a piracema.

 

Quem ainda não respondeu ao requerimento, deverá procurar a entidade até quarta-feira, dia 08,  com o seguintes documentos originais: carteira de identidade; carteira de trabalho – CTPS; PIS/PASEP “Ativo”; CPF ; NIT - Comprovante do número de inscrição do trabalhador; CEI - Cadastro de Empresa Individual;  RGP - Carteira de Registro de Pescador Profissional devidamente atualizada, emitida pela Secretaria Especial de Aqüicultura e Pesca da Presidência da República - SEAP/PR ou Protocolo de Registro de Pesca atualizado; data do primeiro registro, no RGP, comprove a antecedência mínima de um ano da data do início do defeso.

O seguro-desemprego é uma assistência financeira temporária concedida ao pescador profissional que teve suas atividades paralisadas no período de defeso.



 

 

 

Leia Também