Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

sexta, 15 de fevereiro de 2019 - 23h12min

internacional

Peru fará parte do trajeto do Rally Dakar de 2012

23 MAR 11 - 13h:00ESTADÃO

Os organizadores do Rally Dakar confirmaram oficialmente nesta quarta-feira que o Peru fará parte do trajeto da edição de 2012 da tradicional prova. Será o quarto ano seguido em que a corrida ocorrerá na América do Sul, após a competição deixar de ser disputada na África por razões de segurança. A última edição do rali em solo africano aconteceu em 2007, sendo que em 2008 o evento não foi realizado.

Segundo confirmaram os organizadores, a edição do próximo ano do Rally Dakar terá a sua largada em Mar del Plata, na Argentina, e irá até Lima, capital do Peru, palco da chegada. O novo trajeto, que será percorrido entre os dias 1.º e 15 de janeiro de 2012, terá cerca de 9.000 quilômetros, nos quais os participantes passarão por trechos cercados por oceanos, montanhas e desertos.

Na última terça-feira, o presidente do Instituto Peruano de Esportes, Arturo Woodman, já havia confirmado a entrada do Peru no Rally Dakar e revelou que as cidades de Tacna, Arequipa, Moquegua e Ica farão parte do trajeto.

Nos últimos três anos, a prova foi disputada na Argentina e no Chile, tendo a chegada e a largada acontecendo em Buenos Aires. Em 2012, então, o Peru entrou na rota final no rali, que terá agora três países sul-americanos.

BRASIL FAZ LOBBY - Após o Peru entrar oficialmente no Rally Dakar, o Brasil já começa a fazer o seu lobby para também poder integrar a rota da prova. "Cada vez mais os organizadores do Rally Dakar descobrem o potencial que nosso continente tem para o esporte a motor. Creio que um dia o Brasil também consiga fazer parte deste grande evento, até por conta da boa publicidade do Rally dos Sertões, a competição brasileira que também faz sucesso em outros países", afirmou Jean Azevedo, da equipe Petrobras Lubrax, que foi o melhor colocado entre os brasileiros em todas as categorias na última edição do Dakar, com o sétimo lugar entre as motos.

André Azevedo, primeiro sul-americano a subir ao pódio do Rally Dakar e um dos responsáveis pela equipe Petrobras Lubrax, também fez campanha pela entrada do Brasil no percurso da prova. "(A confirmação do Peru) Era o que eu esperava, após conversas com amigos da organização do Dakar que tive ao final da última edição. Eles estão querendo ampliar o número de países sul-americanos e ainda esperam um retorno das autoridades brasileiras contactadas, para avaliação do Rali Dakar passar pelo território brasileiro no futuro", disse o veterano piloto, que participou pela primeira vez da tradicional prova em 1988.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

TRAGÉDIA

Funcionários da Vale são presos por rompimento de barragem de Brumadinho

BRASIL

União pagou R$ 565 milhões em dívidas atrasadas de estados em janeiro

TRAGÉDIA

Procuradoria defende júri popular para acusados por tragédia em Boate Kiss

TRAGÉDIA

Justiça determina que Vale retire animais das áreas de risco em Barão de Cocais

Mais Lidas