Quinta, 22 de Fevereiro de 2018

tecnologia

Peritos criminais de MS recebem equipamento

15 JAN 2011Por thiago gomes00h:00

A partir de um convênio com a Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp), a Coordenadoria de Perícia de Mato Grosso do Sul adquiriu um novo equipamento que permite aos peritos criminais a análise de vestígios invisíveis a olho nu. Com isso, o Instituto de Análises Laboratoriais Forenses (Ialf) conta com a Fonte Luz Forense Multiespectral (FLFM), uma ferramenta que permite observar, fotografar e coletar vestígios em superfícies diversas com mais sensibilidade do que métodos tradicionais. A fonte luz forense oferece resultados periciais mais efetivos na materialização de crime.

De acordo com as informações, com o equipamento, os peritos criminais conseguem observar fluidos corporais - como sangue, esperma, saliva, fezes, urina, fluidos vaginais, entre outros – em locais ou objetos utilizados em crimes. Além dos fluidos, os peritos também obtêm pequenos vestígios, como cabelos e pêlos, fibras, fragmentos ósseos, unhas, impressões latentes diversas (pegadas em superfícies polidas, palmares, plantares e digitais, etc.) e marcas como mordidas e ferimentos. (TG)

Leia Também