Campo Grande - MS, segunda, 20 de agosto de 2018

Palavras

Período de adaptação do novo acordo ortográfico está acabando

12 ABR 2011Por Portal Educação 20h:00

Após três anos de adaptação do novo acordo ortográfico, que entrou em vigor desde o início de 2009, alguns brasileiros já estão aptos as alterações da gramática. Principais meios de comunicação, livros e escolas foram importantes nesse processo, que facilitaram o acesso as regras. 

De acordo com a legislação, a partir de 1° de janeiro de 2013 só serão permitidas as novas regras, o que inclui a modificação de 3 mil verbetes, o equivalente a 5% das palavras reconhecidas oficialmente no idioma português. No alfabeto, as 23 letras deram lugar a 26, com a incorporação definitiva do k, w e do y.

O acordo ortográfico foi elaborado para uniformizar a grafia das palavras dos países lusófonos, ou seja, os que têm o português como língua oficial. Além do Brasil, Angola, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe, Timor Leste e Macau (região especial da China que também fala o português) assinaram o acordo.

Para aqueles que ainda não conhecem a fundo as alterações, ou que estão precisando relembrar as noções da reforma ortográfica o Portal Educação elaborou um curso de 30 horas. Ideal para pedagogos, profissionais de todas as áreas, estudantes universitários e outros interessados na nova ortografia.

Domine o alfabeto, as regras gerais de acentuação (não alteradas pelo acordo), acento diferencial, circunflexo, agudo, uso do hífen etc. Acesse: www.portaleducacao.com.br.

Afinal de contas, você não vai querer entrar na estatística dos analfabetos funcionais, segundo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, 70% da população brasileira sabem ler, porém não conseguem interpretar.

Leia Também