Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Negócio

Pequenas locadoras agonizam e dizem que estão perto do fim

8 JUL 12 - 00h:00Adriana Molina

“Desse ano não passa” é frase praticamente unânime nas respostas dos proprietários de locadoras de vídeo, quando questionados sobre como vai o negócio, em Campo Grande. Em meio à concorrência com pirataria, tv à cabo e internet, esse tipo de empreendimento parece dar seus últimos suspiros - fechar as portas têm sido ideia recorrente na cabeça de quem ainda está na atividade.

E a consolidação dessa ideia tem crescido. De acordo com dados da Junta Comercial de Mato Grosso do Sul (Jucems), entre janeiro e junho deste ano, quatro empresas do tipo foram extintas. O número parece pequeno, mas se comparado com 2011, pode-se entender o momento de crise, já que em todo o ano passado foram três locadoras fechadas formalmete no órgão.

Franciele Gomes, que está há mais de seis anos com uma locadora aberta no bairro Aero Rancho já deciciu: vai sair do ramo. “Eu e meu marido há quatro meses abrimos uma loja de móveis, que está indo bem. Vamos esperar apenas ela se firmar e, até o final do ano colocaremos o estoque de DVDs daqui à venda”, diz, ao contar que não dá para concorrer com a pirataria, que vende filmes à R$ 2, enquanto sua locação custa R$ 3,50.

Leia mais no jornal Correio do Estado

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Justiça Federal pede regularização de perícias em dois municípios de MS
INSS

Justiça Federal pede regularização de perícias em dois municípios de MS

Com nomes conhecidos, série inspirada em HQs é estreia da semana
DEADLY CLASS

Série inspirada em HQs
é estreia da semana

Instabilidade na gestão federal deve atrasar obra, diz prefeito
IMPASSE BANDEIRANTES

Instabilidade na gestão federal deve atrasar obra, diz prefeito

BRASIL

CNI/Ibope aponta que 35% avaliam governo Bolsonaro como ótimo ou bom

Mais Lidas