segunda, 16 de julho de 2018

CAMPEONATO BRASILEIRO

Pênalti duvidoso põe o Timão na liderança

14 NOV 2010Por Eduardo Miranda00h:00

O Corinthians assumiu a liderança provisória do Campeonato Brasileiro ontem ao derrotar o Cruzeiro por 1 a 0 no duelo considerado uma final antecipada da competição. O gol marcado pelo atacante Ronaldo aos 43 minutos do segundo tempo, em um pênalti controverso, levou o Timão aos 63 pontos ganhos, e agora pressiona o Fluminense, que só retomará a ponta se vencer o Goiás hoje no Engenhão.

O Cruzeiro ainda segue no primeiro pelotão do Campeonato Brasileiro, com 60 pontos, na terceira posição, mas vê suas chances de levantar a taça diminuírem consideravelmente após o revés de ontem no Pacaembu.

Foram os últimos minutos que marcaram o jogo de ontem na capital paulista. Quando tudo se encaminhava para um empate sem gols, o Corinthians teve um pênalti duvidoso marcado a seu favor aos 41 minutos. Após bola longa alçada para a área, Gil disputou bola com Ronaldo e o camisa 9 caiu; Sandro Meira Ricci apontou penalidade máxima. O próprio Ronaldo foi para a bola, deslocou Fábio e deu a vitória ao time alvinegro.

O técnico Cuca e os jogadores do Cruzeiro ficaram extremamente revoltados com a marcação da penalidade. O treinador acabou expulso pela arbitragem e saiu fazendo sinal de negativo para a torcida corintiana, enquanto o volante Fabrício se recusou a seguir no jogo, pediu para ser substituído e seguiu direto para os vestiários.

Durante toda a partida, o jogo foi equilibrado, e tanto Corinthians quanto o Cruzeiro tiveram boas chances de gol e lutaram bastante durante os 90 minutos. Julio Cesar, pelo lado do Corinthians, salvou um chute forte de Wellinton Paulista aos 32 minutos, em lance que poderia ter modificado partida.

Na próxima rodada, o Corinthians vai a Salvador (BA) enfrentar o Vitória no domingo, enquanto o Cruzeiro recebe o Vasco no mesmo dia, em Uberlândia (MG).
 

Leia Também