Campo Grande - MS, quarta, 22 de agosto de 2018

Pedreiro é morto a tiros em Dourados

11 AGO 2010Por 07h:20
Fábio Dorta, Dourados

O pedreiro Rubemar Vieira Carvalho, 47 anos, foi assassinado por volta das 12h de ontem, quando trabalhava na construção de uma residência no cruzamento das ruas João Vicente Ferreira e Rua dos Caiuás, Bairro Jardim Ouro Verde, na periferia de Dourados. Ele levou cinco tiros. O autor do crime está foragido.
De acordo com a Polícia Civil, um homem chegou de motocicleta até a construção, onde além de Carvalho havia vários outros trabalhadores, e desceu perguntando pelo pedreiro que era conhecido como ‘Chicão’. Ao encontrá-lo sacou de um revólver. A vítima correu e tentou se esconder entre uma árvore e um carro, mas foi perseguida e morta.
Chicão levou cinco tiros, sendo três no tórax e um em cada braço. Depois de efetuar os disparos o atirador fugiu. Os trabalhadores que presenciaram o crime disseram que o assassino antes de dar os tiros gritou várias vezes que o pedreiro iria morrer porque havia agredido em várias oportunidades a avó dele, com quem a vítima seria amasiada.
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também