Campo Grande - MS, quinta, 16 de agosto de 2018

CÂMARA MUNICIPAL

Pedido de votação para afastar Hélio é protocolado

27 MAI 2011Por PORTAL RAC, CAMPINAS18h:07

O vereador Valdir Terrazan (PSDB) protocolou na tarde desta sexta-feira (27) na Câmara Municipal de Campinas um requerimento solicitando que a Casa vote o afastamento temporário do prefeito Hélio de Oliveira Santos (PDT) - enquanto durar a Comissão Processante (CP). 

A CP tem prazo máximo de 90 dias para concluir seus trabalhos - que podem culminar no afastamento definitivo de Dr. Hélio. Terrazan espera que a votação seja realizada na próxima sessão da Câmara, na próxima segunda-feira (30). 

Para que o afastamento temporário de Hélio seja aprovado é necessário que 2/3 dos vereadores da Casa votem a favor. A fração equivale a 22 de seus 33 membros. O tucano protocolou o pedido no Legislativo depois de já tê-lo feito na Justiça.
 
Na quarta-feira (25), o juiz Wagner Roby, da 2ª Vara da Fazenda de Campinas, negou o pedido de liminar do vereador alegando que neste caso específico não cabe a interferência do (Poder) Judiciário no Legislativo.

Terrazan insiste no afastamento temporário de Hélio e entrou ainda com uma representação no Ministério Público com o mesmo fim.  O objetivo do tucano é 'garantir a lisura dos trabalhos da Comissão Processante sem que haja interferência do chefe do Executivo'.

Leia Também