Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Pecuarista jutiense morre ao cair de cavalo

28 OUT 08 - 14h:30
     

                 

                A queda de um cavalo causou a morte do pecuarista Leandro Américo do Amaral, 22 anos, no final da tarde de segunda-feira. A ocorrência foi registrada na Delegacia de Polícia Civil de Juti.

                De acordo com o registro policial, Leandro estava andando a cavalo, em supervisão às condições de pastagens e do rebanho bovino de sua propriedade, a fazenda Nascente do Cambai, quando teria passado mal e teria tido uma convulsão, que provocou a queda do animal.

                Conforme o registro policial, Leandro estava cavalgando juntamente com um funcionário da fazenda quando, no momento em que ocorreu o acidente. Ao cair do cavalo, logo após a convulsão, houve o choque da cabeça contra o solo.

                O pecuarista foi socorrido pelos peões da propriedade e foi levado em um carro até o Hospital Municipal de Juti, mas os enfermeiros que fizeram o atendimento constaram que Leandro havia chegado sem vida ao pronto socorro. O corpo foi velado em Juti, com sepultamento no final da tarde de ontem.

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Alisson, Firmino e Marquinhos concorrem à Bola de Ouro
FUTEBOL

Alisson, Firmino e Marquinhos concorrem à Bola de Ouro

Gás é reajustado pela Petrobras e preço pode ultrapassar R$ 100 em MS
BOTIJÃO DE 13 QUILOS

Gás de cozinha terá aumento e preço pode ultrapassar R$ 100 em MS

Com problemas de saúde, Zeca do PT deixa presidência do partido
POLÍTICA

Com problemas de saúde, Zeca deixa presidência do PT

Em um ano, número de queimadas quase dobram em Campo Grande
MEIO AMBIENTE

Em um ano, número de queimadas quase dobram, aponta comitê

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião