Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

PDT sairá do bloquinho para apoiar Temer

19 JAN 09 - 22h:59
     

Brasília

 

O PDT sairá do bloquinho - no qual é parceiro do PSB e do PC do B - para apoiar a candidatura do presidente nacional do PMDB, deputado Michel Temer (SP), à presidência da Câmara. A decisão será tomada oficialmente amanhã, em reunião da executiva nacional com a bancada federal de 25 deputados.

 

"Nossa saída do bloco é iminente, mas queremos manter a boa relação que temos com o PSB e o PC do B e deixar clara nossa admiração pelo Aldo Rebelo", diz o presidente nacional do partido e líder na Câmara, deputado Vieira da Cunha (RS), referindo-se ao deputado do PC do B e candidato do bloquinho a presidente da Casa. Segundo Vieira da Cunha, a tendência "amplamente majoritária" da bancada, manifestada nas consultas que vem fazendo a cada deputado, é a de votar em Temer.

 

"Com todo respeito que temos ao Aldo, não faz sentido apoiar uma candidatura que não tem viabilidade", emenda o líder pedetista. Mas não é só a sucessão no Congresso que está levando dirigentes e deputados pedetistas a defender o desembarque do bloquinho. "Estamos reavaliando nossa permanência no bloco por várias razões, e a principal delas é o desejo de recuperar o espaço de atuação no plenário", justifica Vieira da Cunha.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Felpuda

MUDANÇA CLIMÁTICA

Geleira na Patagônia chilena se rompe com aquecimento nos Andes

INTOXICAÇÃO

Apartamento no Chile onde família morreu não passava por vistoria há 15 anos

REFORMA

Secretário da Previdência diz que Câmara votará reforma no 1º semestre

Expectativa é de que Senado vote o tema no segundo semestre

Mais Lidas