Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

PDT sairá do bloquinho para apoiar Temer

PDT sairá do bloquinho para apoiar Temer
19/01/2009 22:59 -


     

Brasília

 

O PDT sairá do bloquinho - no qual é parceiro do PSB e do PC do B - para apoiar a candidatura do presidente nacional do PMDB, deputado Michel Temer (SP), à presidência da Câmara. A decisão será tomada oficialmente amanhã, em reunião da executiva nacional com a bancada federal de 25 deputados.

 

"Nossa saída do bloco é iminente, mas queremos manter a boa relação que temos com o PSB e o PC do B e deixar clara nossa admiração pelo Aldo Rebelo", diz o presidente nacional do partido e líder na Câmara, deputado Vieira da Cunha (RS), referindo-se ao deputado do PC do B e candidato do bloquinho a presidente da Casa. Segundo Vieira da Cunha, a tendência "amplamente majoritária" da bancada, manifestada nas consultas que vem fazendo a cada deputado, é a de votar em Temer.

 

"Com todo respeito que temos ao Aldo, não faz sentido apoiar uma candidatura que não tem viabilidade", emenda o líder pedetista. Mas não é só a sucessão no Congresso que está levando dirigentes e deputados pedetistas a defender o desembarque do bloquinho. "Estamos reavaliando nossa permanência no bloco por várias razões, e a principal delas é o desejo de recuperar o espaço de atuação no plenário", justifica Vieira da Cunha.

Felpuda


Malfeitos que teriam sido praticados em tempos não tão remotos podem ser a pedra no caminho de pré-candidatura que está sendo costurada. As conversas ainda estão nas “ondas da rádio-peão”, mas, com a proximidade da campanha eleitoral, há quem diga que isso se tornará uma tremenda dor de cabeça para quem vai enfrentar as urnas. Pior:  o dito não seria culpado direto, mas sim a sua...  Bem, deixa rolar para ver onde vai parar.