Segunda, 19 de Fevereiro de 2018

VIOLÊNCIA

Paraguaio que estuprou criança é transferido para Dourados

26 OUT 2010Por MECOSUL NEWS12h:18

Está na Penitenciária de Segurança Máxima em Dourados o paraguaio Alfredo Jara López, 19 anos, que foi autuado em flagrante em Ponta Porã semana passada pelo estupro de uma criança de quatro anos. O acusado foi preso pela Polícia Militar no Jardim Aeroporto, após queixa da mãe da criança no posto de Saúde.

 Sob sigilo, uma equipe do 2º Distrito Policial transferiu o acusado para a penitenciária de Dourados na tarde de ontem, após comunicação de abertura de uma vaga na unidade. Desde sua prisão, o paraguaio estava recolhido no 2º DP.

A direção da Unidade Penal Ricardo Brandão havia se recusado a receber o preso, alegando que não poderia garantir a integridade física do rapaz. Dentro dos presídios não há tolerância entre os internos com pessoas acusadas de cometer crimes – principalmente violência sexual – contra mulheres ou crianças.

Ameaças que teriam surgido desde a prisão de Lopes levaram preocupação à unidade penal, que preferiu recusar o recebimento do preso, razão pela qual o acusado foi levado para o 2º DP, onde ficou à disposição da Justiça, que inclusive decretou a prisão preventiva do indivíduo por seis meses.

O delegado Joel José da Silva, informou que comunicou o juiz e aguardou a abertura de vaga em alguma outra unidade de segurança para transferir o preso, o que foi feito ontem. Alfredo López nega que tenha violentado a criança, mas a Polícia Civil não tem dúvida da culpabilidade do acusado.

Leia Também