Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Para presidente do TRE, aumento de vereadores não pode retroagir às eleições de 2008

18 DEZ 08 - 21h:32
     

Maria Matheus

 

Além da crise gerada entre a Câmara dos Deputados e Senado Federal, a PEC 20/2008, que altera a composição das Câmaras Municipais e que aumenta em 113 o número de vereadores de Mato Grosso do Sul, pode ser motivo de embate entre os poderes Legislativo e Judiciário. Na avaliação do presidente do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), Oswaldo Rodrigues de Melo, não é possível que o aumento no número de vereadores nas Câmaras Municipais seja retroativo às eleições deste ano. "Ainda que haja um dispositivo dizendo que se aplica para essas eleições, não é possível, porque as regras do jogo não podem ser alteradas depois que o jogo terminou", disse.

Para o desembargador, mesmo que seja promulgada pelo Congresso Nacional, a emenda constitucional 20/2008 será questionada juridicamente. "Normalmente a lei não retroage, ela é aplicada para o futuro", observou. "Acho que esse dispositivo que diz que será aplicado nessas eleições (de 2008) será questionado. Talvez isso termine no Supremo Tribunal Federal, que dá a última palavra"

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

SUS

STF abre exceções para fornecimento pelo SUS de remédio sem registro

TECNOLOGIA

Governo pretende digitalizar mil serviços até o ano que vem

Senado aprova bagagem gratuita e abertura do setor aéreo a capital estrangeiro
MEDIDA PROVISÓRIA

Senado aprova bagagem gratuita e libera capital estrangeiro

BRASIL

Secretário da Receita diz que apoia reforma tributária aprovada na CCJ

Mais Lidas