Sexta, 23 de Fevereiro de 2018

Grêmio

Para dirigente do Grêmio, marca que leva o nome do jogador está desgastada

10 JAN 2011Por Porto Alegre00h:00

O gerente executivo de marketing do Grêmio, Paulo César Verardi, falou neste domingo, dia 9 de janeiro, sobre o fim das negociações entre o clube gaúcho e Ronaldinho, e afirmou que o presidente  gremista Paulo Odone tomou a decisão certa. Além disso, garantiu que a imagem do jogador ficou desgastada no episódio que ainda não teve um desfecho.

“A marca Ronaldinho perdeu muito nesse episódio. O Grêmio estava trazendo uma marca que já está começando a entrar em declínio. O Grêmio iria recuperar a marca Ronaldinho”, afirmou.

Ao mesmo tempo em que alertou sobre um possível declínio da marca trazida junto com Ronaldinho, Verardi também falou sobre as caixas de som que foram colocadas no Estádio Olímpico para a apresentação do jogador. O clube foi criticado por antecipar uma festa que, no fim, não acontece. O gerente assumiu a responsabilidade.

“Todo o processo é responsabilidade minha. Houve essa precipitação no intuito de acertar”, concluiu Paulo César Verdani.

Leia Também