Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Oração do Angelus

Papa Francisco pede a refugiados que não percam a esperança

19 JAN 14 - 14h:45Agência Brasil

A situação precária enfrentada por milhões de migrantes e refugiados em todo o mundo foi o tema da oração dominical do papa Francisco hoje (19). Durante a Oração do Angelus, na Praça São Pedro, na cidade do Vaticano, o papa lembrou que hoje é o Dia Mundial do Migrante e do Refugiado e pediu “o fim dos mercadores de carne humana”, se referindo a quem tira proveito da situação dessas pessoas.

Francisco lembrou que os migrantes precisam ser defendidos daqueles que querem escravizá-los e devem ter suas culturas respeitadas nos países onde se refugiarem. Ele também pediu a acolhida dos refugiados.

O papa também dirigiu-se diretamente aos migrantes e refugiados pedindo que eles não desistam. “Não perca a esperança por um mundo melhor! Faço votos de que vocês possam viver em paz nos países que os acolhem, custodiando seus valores culturais de origem", disse Francisco, de acordo com a agência de notícias do Vaticano.

Um encontro com migrantes e refugiados em Roma estava marcado para esta tarde. Ao fim do sermão, o papa pediu que as milhares de pessoas presentes na Praça São Pedro rezassem pelos refugiados.}

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Estado criou 917 vagas em setembro, aponta Caged
EMPREGOS

Estado criou 917 vagas em setembro, aponta Caged

BR-262 deve receber reformas com investimento de R$ 22 milhões
EMENDAS

BR-262 deve receber reformas com investimento de R$ 22 milhões

Sucesso no Youtube, Nathalia Arcuri comanda "reality show" financeiro na tevê
TELEVISÃO

Sucesso no Youtube, Nathalia Arcuri comanda "reality show" financeiro na tevê

Filho de homem que roubou dinheiro de campanha morre em BH
JOÃO MIGUEL

Filho de homem que roubou dinheiro de campanha morre em BH

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião